Flamengo x Boavista: um marco na forma de transmissão dos jogos no país

Se uma pessoa que não entende de futebol tivesse acessado o Youtube ontem e visto mais de 2 milhões de pessoas assistindo simultaneamente a Flamengo x Boavista, certamente pensaria se tratar de um grande evento esportivo, talvez uma final de campeonato. Mas não, era o início de um modelo que pode causar uma verdadeira revolução na forma de transmissão dos jogos de futebol no Brasil.

O jogo em si não teve nenhum atrativo além do belo futebol apresentando pela equipe de Jorge Jesus, que impressionou os adversários. O que de fato estava sendo avaliado naquele momento era como o Flamengo iria se virar após peitar a toda poderosa Rede Globo para ter o direito de transmitir a partida via Streaming para sua torcida. O clube se apoiou na Medida Provisória 984, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que deliberava sobre alguns tópicos referentes ao futebol, entre eles o direito de transmissão pertencendo ao clube mandante da partida. No final, o resultado foi extremamente positivo o Rubro Negro.

Números da transmissão

Considerada a maior live esportiva do mundo pelo Youtube, a transmissão do jogo entre Flamengo e Boavista rendeu bons frutos financeiros ao clube da Gávea. Foram R$ 2,7 milhões doados, R$ 450 mil pagos por quem assistiu fora do país. Além disso, impulsionou o canal da FlaTV com mais 450 mil inscrições. Ao todo, foram 14 milhões de views durante toda a partida, com o pico de 2,2 milhões de espectadores simultâneos.

É claro que todos esses números foram impulsionados por diversos fatores. Desde o início do ano o Flamengo luta contra a Globo por um valor que considera justo para ter seus jogos transmitidos pela emissora. Com isso, o torcedor ficou impedido de assistir aos jogos pela televisão. Em seguida, veio a pandemia e mais três meses sem nenhuma partida de futebol. E no meio da guerra pelos direitos de transmissão, a torcida comprou a briga do clube e entrou em campo.

E agora, como será?

Sem dúvida, esse foi um passo importante para que os clubes possam vender melhor seus produtos e não simplesmente servirem de produto para outros. Ainda não há nada definido, mas a semente foi plantada. A própria TV Globo sabe que esse é um caminho sem volta tanto que hoje anunciou a rescisão do contrato de transmissão do Campeonato Carioca. Começou um jogo de xadrez, mas engana-se quem pensa que a preocupação seja o estadual. A emissora tá de olho em 2024, quando termina o contrato dos direitos televisivos do Brasileirão. Alguém duvida que teremos novos capítulos até lá?

Diga para gente o que achou

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s